terça-feira, 29 de julho de 2014

Eu li : Indesejadas

Indesejadas


                          Indesejadas- Kristina Ohlsson 
                       (Fredrika Bergman & Alex Recht - Livro 01)
                                   391 páginas 
                       
 Sinopse - Indesejadas - Fredrika Bergman & Alex Recht - Livro 01 - Kristina Ohlsson
Crimes brutais marcam um verão sueco. Suécia, meados de um verão chuvoso. O inspetor Alex Recht e sua equipe, auxiliada pela analista criminal Fredrika Bergman, começam a investigar o que parece ser um caso clássico de disputa familiar pela guarda de uma criança. No entanto, quando a menina é encontrada morta no extremo norte da Suécia, com a palavra “indesejada” escrita na testa, o caso se transforma rapidamente no pior pesadelo da equipe de investigadores.
“Ohlsson sem dúvida vai se juntar a Jo Nesbø na maioria das listas de leitura obrigatória da literatura policial escandinava.” Booklist (EUA)
“De escrita elegante e com um grupo de detetives extremamente humanos, a trama de Indesejadas entra no nosso inconsciente do jeito que só os bons thrillers são capazes.” Daily Mail (Reino Unido)
“Prosa, trama e caracterização impressionantes… Os leitores vão ficar ansiosos para continuar na companhia da intrigante protagonista Fredrika Bergman.” Publishers Weekly (EUA)


          Li este livro na Maratona Literária (ver post anterior), e vou dizer logo de inicio que eu amei. Este é o primeiro livro da autora que conta a investigação do desaparecimento de uma menina Lilian, que foi encontrada morta na frente de um hospital com a palavra "IDESEJADA" na testa. O livro é escrito em terceira pessoa, ou seja um narrador que não faz parte da historia mas conhece o pensamento dos personagens, a cada trecho temos a visão de um deles. Os detetives encarregados do caso são Alex Recht , Fredrika Bergman e Peder Rydh, ao decorrer da leitura vamos conhecendo a característica de cada um deles e também um pouco de suas historias, isso foi um ponto forte pra mim no livro, no meio do caso principal temo inserido a vida deles.
 " - Estava escrito "Indesejada" na testa dela. Mas não é verdade. Eu nunca me arrependi de tê-la. Ela era a melhor coisa que já aconteceu na minha vida." - 196
        Não descobrimos o sequestrador/assassino até o fim do livro, a autora insere na estória personagens que nos distraem, e então quando agente pensa que descobriu (BUUM) é uma pessoa totalmente diferente. Ela me deixou de boca aberta por me enganar e me prender até o fim do livro na busca da solução desse caso. 
            "Alguém. A palavra mágica que circundava todo policia. Encontrar alguém. Identificar alguém. Responsabilizar alguém. " - 356
    Outros motivos que nos prendem ao livro são as formas como a autora fala sobre tudo, a violência contra mulher e outros temas também estão presentes, se você não gosta de descrições em cenas de violência é melhor pular alguns parágrafos, ela usa esse efeito em algumas cenas para nos fazer entender o personagem. Ela também fala muito das falhas da policia, a demora nas respostas que muitas vezes faz com que a população pare de confiar nos policiais.  
    A autora soube me prender, esta foi minha primeira experiência do gênero, e eu me apaixonei pelo modo dela escrever, pra mim não deixou falhas nem preguntas sem respostas, soube separar e dar as pausas necessárias pra nos instigar, deixando aquele gosto de "não consigo parar de ler" e também pro nosso pensamento dar uma pausada pra acompanhar a linha de raciocínio dela. Uma obra que recomendo a todos que curtem o gênero policial, ou que querem começar a ler. Este é o primeiro livro da serie Frederika Bergmam e Alex Recht, estarei acompanhando a autora esperando ansiosamente pelo próximo livro, ou próximos livros.  
                        Avaliação : 
                 

              Beijos, Gabi.